Ribeiro se emociona, e resume a caminhada que levou o Tiradentes/Chapada ao título do Ralinha

Ribeiro se emociona, e resume a caminhada que levou o Tiradentes/Chapada ao título do Ralinha

Após se sagrar campeão da Copa Ralinha COP+ 2018, o presidente do Tiradentes, equipe de Chapada dos Guimarães que venceu o Amigos 100% por 2 a 0 na grande final, Sargento Ribeiro falou com o site A BOLA DA VEZ MT e relatou a emoção de alcançar o tão sonhado título que perseguia há 4 anos. O policial que acumula a função de treinador da equipe, fez questão de lembrar a fundação da agremiação, e também citou o responsável por levar a equipe até o Ralinha pela primeira vez.

 

“Esta equipe chamada Tiradentes, foi fundada em 1984 por um grupo de militares que queriam participar do campeonato municipal em Chapada dos Guimarães-MT. Foi campeão municipal sete vezes, e depois ficou 15 anos sem disputar a competição. Quando entrei na PM, resolvi continuar essa historia, não só em Chapada, mas fora também. Os comerciantes acreditaram no projeto, e quero de ante mão agradecer o Helio Medina que foi o responsável por nos trazer pela primeira vez aqui nesta competição”.

 

Ribeiro resumiu a trajetória do carrossel chapadense no certame, desde a primeira participação, quando parou nas oitavas de finais, até o título do último sábado, e citou os motivos que os fizeram a continuar lutando ano após ano. “Ao longo desses 4 anos, a caminhada foi árdua. Chegamos nas oitavas de finais com o Medida em nossa primeira participação. No ano seguinte, chegamos na semifinal, perdemos, mas não nos abatemos. Fizemos uma reunião, corrigimos os erros, e ano passado chegamos na final diante do Tesouros, e após estar vencendo por 3 a 1, cedemos o empate e perdemos nos pênaltis. E quando o presidente do Tesouros disse que ficou 5 anos trabalhando para alcançar o titulo importante, nos decidimos não desistir”.

 

Com o sentimento de missão cumprida, o presidente fala da satisfação em alcançar o objetivo maior, e usa a equipe como exemplo para motivar outras agremiações a estarem no Ralinha em 2019. “Perdemos alguns atletas do ano passado para cá, mas conseguimos repor, e agora conseguimos com a graça de Deus conquistar esse campeonato que é muito dificil. Para nós, jogar em alto nivel contra todos essas equipes que disputam o Ralinha, é uma satifação muito grande. Viemos para ficar, e agora cabe as outras equipes continuar acreditando em seus sonhos para vir até o Ralinha ano que vem, e tentar tirar o título da gente”.

 

Questionado sobre a filosofia de trabalho, e o seu comportamento como gestor do projeto esportivo da equipe, Ribeiro não titubeou, e colocou suas principais virtudes como elementos chave no relacionamento com os atletas, e como o segredo do sucesso da equipe em uma competição tão dificil como a Copa Ralinha. “Eu sou muito verdadeiro em tudo que eu falo. Tem muitas coisas que não aceito, e eu deixo claro aos meninos, pois sou sério e a minha consciência que vai unir o grupo, pois se eles não confiarem em minhas idéias, nada vai dar certo. Eu gostaria de dar mais do que podemos, pois todos eles merecem, mas eles sabem da nossa seriedade e transparência. Nos conhecemos há muitos anos, e temos uma confiança que se transforma em vitórias”.

 

Fonte: http://aboladavezmt.com/Materia/Ler/1131